Meditação mariana

Pregação de padre Léo dedicada a Nossa Senhora é disponibilizada na íntegra

Ouça a palestra sobre Maria ministrada por padre Léo

Em outubro, mês em que a devoção mariana é muito forte, a equipe do #especialmarianocn disponibilizou a pregação do saudoso padre Léo, intitulada “Servir do jeito de Maria”.

A palestra foi realizada no ano de 2006 e narra o episódio bíblico das Bodas de Caná, quando Jesus manifestou Sua glória.

Neste trecho do Evangelho de São João, Maria e Jesus estavam em uma festa de casamento, na qual o vinho havia acabado. Com isso, Nossa Senhora comunicou a seu Filho a falta da bebida, mas Ele explicou que o momento da manifestação ainda não havia chegado. Entretanto, ela se direcionou aos serventes e disse: “Fazei tudo o que Ele vos disser”, e assim Cristo realizou Seu primeiro milagre.

“Se quisermos viver do jeito de Maria, teremos de estar atentos às necessidades dos que estão a nossa volta. Se nossa casa não tem espaço para Maria, faltará ‘vinho’ e outras coisas”, disse padre Léo nesta palestra.

Ouça a pregação na íntegra:

Presenteie quem você ama com esta pregação e veja também mais pregações de padre Léo. Clique aqui!

padre leo

Padre Léo – Arquivo TVCN

Padre Léo

Léo Tarcísio Gonçalves Pereira, mais conhecido como padre Léo, nasceu em 9 de outubro de 1961, no sul de Minas Gerais, no município de Delfim Moreira, no vilarejo conhecido por Biguá.

Filho de uma família humilde, Léo ingressou, em 1982, no Seminário Dehonista na cidade de Lavras (MG), pertencente à Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus. Ele fez noviciado em Jaraguá do Sul (SC), cursou Filosofia em Brusque (SC) e concluiu Teologia em Taubaté (SP), na Faculdade Dehoniana.

No ano de 1990, padre Léo foi ordenado sacerdote e atuou na formação de novos religiosos e sacerdotes, e também atuou na área da educação. Cinco anos mais tarde, fundou a ‘Comunidade Bethânia’, cujo carisma é o acolhimento de pessoas marginalizadas, dependentes químicos e prostituídos. Em janeiro de 2007, padre Léo faleceu, aos 45 anos, vítima de infecção generalizada por causa de um câncer no sistema linfático.

Processo de beatificação

O arcebispo de Florianópolis (SC), Dom Wilson Tadeu Jönck, scj, autorizou o pedido feito pela Comunidade Bethânia para a abertura do processo de beatificação do padre Léo.  Os próximos passos incluem a escolha de um postulador para a causa de beatificação e a abertura formal do processo. 

Saiba mais detalhes clicando aqui!

↑ topo