Procissão das Velas

Todos os cristãos devem ser marianos, diz Papa em Fátima

Francisco abençoou as Velas e participou da oração do Terço na Capelinha das Aparições

Da redação, com Site Oficial da visita do Papa

Papa Francisco participa da Bênção das Velas e da oração do Terço na Capelinha das Aparições / Foto: papa2017.fatima.pt

Na noite desta sexta-feira, 12, primeiro dia da Peregrinação do Papa Francisco ao Santuário de Fátima, em Portugal, o Santo Padre abençoou as velas na Capelinha das Aparições e recitou o terço com a multidão presente em Fátima para as comemorações do Centenário das Aparições.

Desde já desejo assegurar aos que estão unidos a mim, aqui ou em qualquer outro lugar, que os tenho todos no coração. Sinto que Jesus lhes confiou a mim e, a todos, abraço e confio a Jesus, ‘principalmente os que mais precisam», como Nossa Senhora nos ensinou a rezar”, disse o Pontífice em seu discurso.

Francisco destacou que sempre que o Terço é rezado, seja em Fátima ou em qualquer outro lugar, o Evangelho retoma o seu caminho na vida de cada um, das famílias, dos povos e do mundo.

“Se queremos ser cristãos, devemos ser marianos; isto é, devemos reconhecer a relação essencial, vital e providencial que une Nossa Senhora a Jesus e que nos abre o caminho que leva a Ele”, enfatizou o Santo Padre.

Francisco afirmou ainda que “devemos antepor a misericórdia ao julgamento e, em todo o caso, o julgamento de Deus será sempre feito à luz da sua misericórdia”.

O Papa disse ainda que sempre que as pessoas olham para Maria, voltam a acreditar na força revolucionária da ternura e do carinho. “Nela vemos que a humildade e a ternura não são virtudes dos fracos mas dos fortes, que não precisam maltratar os outros para se sentirem importantes. Esta dinâmica de justiça e de ternura, de contemplação e de caminho ao encontro dos outros é aquilo que faz d’Ela um modelo eclesial para a evangelização. Possamos, com Maria, ser sinal e sacramento da misericórdia de Deus que perdoa sempre, perdoa tudo.”

Após o discurso, Francisco acompanhou a oração do terço, e em seguida, recolheu-se à Casa do Carmo, onde pernoita.

Neste domingo, 13, último dia da visita do Papa a Portugal, o Santo Padre preside a Cerimônia de Canonização dos Pastorinhos Francisco e Jacinta, em unidade com as celebrações do centenário das aparições de Fátima.

↑ topo